4

A Palavra Nua que te Beija

04/03/2013 .
Renascida sobre as pontes desmistificadas,
trilho um caminho novo!
Um sorriso pra você, que me lê. 
É isso que lhe posso oferecer, sou renascida neste dia 
no alvorecer...
Acordei sem saber, porque aqui estava.
Talvez por causa do amor.
Se você me achar simplória ou ingênua, me deixe Ser.
Quando eu aprender falar de amor, que dizem os adultos, ser uma palavra tão  complexa,escreverei com leveza e intensidade!
Quando eu puder compreender o mundo, eu voltarei...
Verso solto e liberto!
Palavras sem vertigens.
Serei um poema compreendido, para além das estrelas...
Para você que me lê, transcenda!
Não sou a voz do poeta, sou a palavra nua que te beija!
Alba Simões

4 Comentários:

Malu Silva disse...

Estar nova a cada dia... Ter sempre o NOVO dentro de nós... como isso é bom... Renascer e nada mais...
Abraços

Bia Hain disse...

Lindo, Alba...acho que você não precisa crescer....a liberdade de falar o que sente também é sinal de maturidade. Um abraço!

mauro brondani disse...

Lindo amiga...lindo demais...emocionante e sensível..ha o amor...fonte de inspiração dos nossos poetas e poetisas que tranformam sentimentos em palavras e poemas!!!
Bjusssss querida!!

Postar um comentário

MyFreeCopyright.com Registered & Protected



 
▲ Voltar ao Topo