6

E agora meu amor ?

04/10/2010 .


Rabisco meus versos nas páginas dos eternos.
Será que é para sempre, ou esta poesia mente?
Porque a sua presença permanece, mesmo que distante, mesmo que ausente.
Um coração apaixonado, nem precisa dizer nada...
Que este amor é como um menino, vem chegando de improviso.
Habitando no perfeito altar de todas as lembranças.
Nascendo todos os dias. 
Sutilmente se instala 
Na imaginação do meu inusitado paraíso! 
Créditos deste vídeo: marciliay


 Alba Simões

6 Comentários:

Mr.Jones disse...

"amor é pensamento, teorema, amor é novela. Sexo é cinema"
QUE LINDO!
:)
gostei.
bjs

Jackie Freitas disse...

Olá minha querida amiga Alba!
Se com rabiscos você produziu isso, imagino se estivesse com vontade de escrever mesmo!! rsrs
Lindo, minha amiga e a música e vídeo deram um toque especial. Adoro essa música da Rita Lee...
Você é uma grande artista! De verdade! Não é demagogia...rsrs...Porque o grande artista consegue expressar-se e passar as suas emoções em poucas linhas e isso você faz lindamente...até com rabiscos.
Grande beijo,
Jackie

Samanta disse...

Alba querida, que belíssimo post !!!
Adorei as palavras que dizem que o Amor é como um menino, que vem de improviso e nasce todos os dias !
Lindo !
Um enorme beijo !

By Alê disse...

Sempre ótimo aparecer aqui.
Maravilhosa postagem.
Beijo do Alê e até apróxima.

Beth Muniz disse...

Oi querida Alba,
O alimento da poesia é o amor.
Se as palavras escritas mentem, não sei.
Mas, o amor com toda sua intensidade, às vezes necessita mentir para sobreviver.
Gostei, muito.
Beijo.

Della disse...

ai, Alba!!! Que lindo!!! Nossa, estou com lágrimas nos olhos...seu poema toca o coração da gente! Parabéns...beijo enorme.

Postar um comentário

MyFreeCopyright.com Registered & Protected



 
▲ Voltar ao Topo